Notícias : Vítima de cancro, ela recusa a quimioterapia para fazer um “tratamento natural” e morre

Vítima de cancro, ela recusa a quimioterapia para fazer um “tratamento natural” e morre

Ela recusa o tratamento e morre.

Partilhar no Facebook
264 264 Partilhas

Vítima de cancro, ela recusa a quimioterapia para fazer um "tratamento natural" e morre

Uma jovem atriz chinesa chamada Xu Ting, de 26 anos, morreu de cancro após optar por tratamentos tradicionais da medicina chinesa,  em vez de se submeter a terapias com eficácia comprovada cientificamente como quimioterapia e radioterapia.

Xu foi diagnosticada com linfoma não-Hodgkin, um tipo de cancro que afeta o sistema imunológico em Julho. Apesar das objeções da família, ela disse que não iria se submeter à quimioterapia nem à radioterapia pois temia os efeitos colaterais e os custos financeiros desse tipo de tratamento. Segundo ela, muitos dos seus amigos sofreram muito durante esses procedimentos. Xu sabia que a medicina tradicional chinesa não deveria ser a sua primeira escolha, mas resolveu arriscar. Ela fez procedimentos como ventosaterapia, técnica que consiste em acender líquido inflamável dentro de copos redondos de vidro, acupuntura e sangria. 

“Eu sei que a quimioterapia é extremamente dolorosa e é um processo que pode até mesmo acelerar a minha morte. Então não importa o quanto eu viva, eu quero aproveitar cada dia que me resta feliz”, escreveu a atriz na sua página na rede social chinesa Weibo, semelhante ao Twitter.

Entretanto, a condição da atriz piorou. Nos momentos finais, ela decidiu tentar a quimioterapia, mas o tratamento não funcionou naquele estágio. Xu não resistiu e morreu no dia 7 de setembro, apenas dois meses após o diagnóstico.

A morte de Xu levantou uma grande polêmica em relação à eficácia da medicina tradicional chinesa. Críticos afirmaram que ela teria sobrevivido caso tivesse aceitado realizar os tratamentos “ocidentais” desde o começo. A irmã da atriz chegou a acusar o médico da atriz de ser “uma fraude” e de atrasar o tratamento.

Até mesmo defensores da medicina chinesa criticaram a atriz e o médico. “Depender exclusivamente da acupuntura e ventosaterapia não é suficiente no tratamento de um tumor maligno. Independentemente de se tratar com a medicina ocidental ou a tradicional chinesa, tumores malignos não devem ser tratados com um único método. Eles exigem uma abordagem que combine a metodologia oriental e ocidental”, escreveu o Feng Li, chefe do departamento de medicina tradicional chinesa na Academia Chinesa de Ciências Médicas em Pequim, num editorial publicado pelo People’s Daily.

O especialista acrescentou ainda que “as abordagens ocidentais, como a radioterapia, a quimioterapia e a cirurgia são eficazes na redução do tumor”, já a medicina tradicional chinesa “é eficaz na redução dos sintomas como náuseas, vômitos, edema e dor causados pelo tratamento ocidental”.

Partilhar no Facebook
264 264 Partilhas

Fonte: http://www.ayoye.com/images/atteinte-du-cancer-elle-refuse-la-chimiotherapie-pour-une-methode-naturelle-et-meurt · Crédito foto: http://www.ayoye.com/images/atteinte-du-cancer-elle-refuse-la-chimiotherapie-pour-une-methode-naturelle-et-meurt

Goste/partilhe