Uma adolescente de 15 anos é violada, quando os resultados de ADN revelam o culpado, ela explode em lágrimas.​​

185778 Visualizações
185778
Uma adolescente de 15 anos é violada, quando os resultados de ADN revelam o culpado, ela explode em lágrimas.​​
1743
Partilhas
/ /

Uma adolescente de 15 anos é violada, quando os resultados de ADN revelam o culpado, ela explode em lágrimas.

Catherine Saint-Germain, Colorado, estava a começar a vida com Aaron Scott e com a filha Alyssa, 15 anos. Ela conhecia-o há 20 anos, Aaron era um veterano da Marinha dos EUA, era um policia e tinha três filhos: duas meninas e um menino. 

Carinhoso, inteligente, romântico e perto da família, ele era tudo para ela, era simplesmente o homem perfeito para Catherine, ele tinha estado "preso" num casamento sem amor.


2 years ago today. His vows ring in my ears like the most poisonous lies. I think what hurts the most is that he feels...

Posted by Catherine St. Germain on Saturday, June 18, 2016

Casados no dia 18 junho de 2014, eles selaram a união com uma tatuagem. No dia 23 de Abril 2015, a polícia liga para Catherine, pedindo-lhe para não falar com Aaron e para ir vê-los o mais rapidamente possível, o que ela fez imediatamente, sentindo que algo estava errado.


A filha de Alyssa estava na delegacia e disse que Aaron a tinha violado e abusado dela, algo inimaginável para Catherine, o seu coração parte-se em 1000 pedaços.  

Ele pô-la fora da casa, exigindo justiça e dizendo-se inocente. No entanto, a análise de ADN mostrou outra coisa. Encostado à parede, ele admitiu os fatos e pediu uma solução amigável.

Aliviada, Catherine lançou um vídeo que foi visto mais de 50 milhões de vezes.

Many of you know what Hell the last year has been for my family. I ask that you share this short video. I believe we must not remain silent, and instead shine a light in this dark subject.

Опубліковано Catherine St. Germain 8 квітня 2016 р.

Podemos vê-la a contar a sua história, usando sinais, informações e fotos de Aaron quando estavam juntos. Isso mostra o quão difícil foi para ela e para a sua filha a lidar com esta situação. Aaron foi condenado no dia 20 de janeiro de 2016 a 90 dias de prisão e 8 anos em liberdade condicional.  

Uma sentença que esfriou Catherine e a sua família. Como poderiam deixá-lo sair da prisão tão rapidamente? Ela também aprendeu que a mãe do filho de Aaron, não sabia nada sobre ele. Quantos agressores andam livres, sem ninguém saber? Quantas mães deixam os filhos com potenciais atacantes, sozinhos em casa?

I completely fell apart after my daughter's disclosure. I showered about once a week, my cupboards were practically...

Nai-post ni Catherine St. Germain noong Sabado, Enero 28, 2017

Pais, vocês devem sempre acreditar nos seus filhos, que são vulneráveis, mesmo se você conhece a pessoa há 20 anos.


  Partilhar no facebook