Notícias : Sabes quais são os sinais que o corpo dá quando necessitas beber água?

Sabes quais são os sinais que o corpo dá quando necessitas beber água?

Nem imaginas!

Partilhar no Facebook
402 402 Partilhas

Sabes quais são os sinais que o corpo dá quando necessitas beber água?

O nosso corpo envia diversos sinais de que precisamos de beber mais água, mas quase ninguém os conhece infelizmente. Mas é muito importante que saibas quais são, pois nem sempre é aquele “sentir sede” o único sinal que ele dá!

É muito difícil encontrar algo mais refrescante para a sede do que um belo copo cheio de água fresca ou gelada. Às vezes, um simples copo de água pode ser mais satisfatório do que uma xícara de café ou um belo copo de sumo.

Mesmo assim, muitos de nós não bebem água o suficiente para a média diária considerada aceitável. Ao privarmo-nos do recurso mais natural do mundo, danificamos continuamente nosso corpo. Logo, se sentir algum dos sintomas a seguir, a tua situação pode melhorar começando por um copo de H2O.
beber_agua

  • A boca está seca: Isso parece bastante óbvio. Claro que, quando sente aquela sensação pegajosa, desagradável na boca, vai atrás de algum tipo de líquido. Mas, as bebidas açucaradas são apenas uma solução temporária para um problema maior. Beber água, lubrifica as membranas mucosas na boca e garganta, que continuarão a manter sua boca úmida com a saliva muito tempo depois que o primeiro gole.
  • A pele está seca: A pele é o maior componente do corpo, então ela precisa se manter hidratada. De fato, a pele seca é um dos primeiros sinais da desidratação, que pode conduzir a problemas muito maiores. A falta de água significa falta de suor, o que leva a uma incapacidade do corpo para extrair o excesso de sujidade e óleo acumulado ao longo do dia. Se quiser evitar esse problema, o seu primeiro recurso deve ser beber mais água.
  • Sede incontrolável: Já falamos sobre a boca seca, porém, a sede vai além de uma língua seca. Qualquer um que já teve ressaca pode dizer que, ao acordar, o seu corpo simplesmente não pode ingerir água suficiente. O álcool desidrata o corpo inteiro, e água potável envia sinais para o cérebro até seus níveis de fluidos voltarem à linha de base. Faça o que seu corpo está lhe pedindo, ele não erra!
  • Os seus olhos estão secos: Deve ficar claro que a água potável afeta mais do que apenas sua boca e pele. A falta de ingestão de água te leva a ficar de olhos vermelhos, porque os seus canais lacrimais ficam secos. Isso poderia causar muito mais danos aos seus olhos, especialmente se usar lentes de contato diariamente.
  • As “juntas” começam a doer: Nossos discos de cartilagem e da coluna vertebral são constituídos por cerca de 80% de água. Ela é uma necessidade absoluta para manter nossos ossos saudáveis a cada passo que damos. Ao manter seu corpo hidratado, garante às articulações o poder de aliviar, como uma mola, o choque de movimentos bruscos, como correr, saltar ou cair desajeitadamente.
  • Os seus músculos diminuíram: Seus músculos também são compostos principalmente de água. Obviamente, menos água no corpo significa menos massa muscular. Beber água antes, durante e depois de algum desporto ou exercício não só o mantém hidratado e confortável, como também encaminha a água para os lugares certos do corpo, e diminui a hipótese de desenvolver a inflamação e dor relacionada ao exercício e levantamento de pesos.
  • Fica mais doente: Beber água permite que o corpo elimine as toxinas de forma contínua. Os seus órgãos trabalham para filtrar nossos determinados resíduos como uma máquina, mas se não alimentar a máquina com água, ele não pode trabalhar corretamente. O que acaba acontecendo em um corpo desidratado é que órgãos começam a puxar a água de áreas armazenados – como o sangue – o que leva a um novo conjunto de problemas.
  • Se sente cansado com frequência: Um corpo desidratado “empresta” a água do seu sangue. A falta de sangue adequadamente hidratado se liga à falta de oxigénio trazido por todo o corpo. Claro, a falta de oxigénio leva à fadiga e sonolência constantes. A falta de resistência significa que precisa beber mais água, para devolver ao sangue a água que ele “te emprestou”.
  • Sente muita fome: Quando está desidratado, o corpo pode começar a pensar que precisa de um pouco de comida. Isso acontece durante todo o dia e de noite também, como quando acorda querendo assaltar o frigorífico. Contudo, comer alimentos cria mais trabalho para o corpo, enquanto beber água purifica os seus órgãos e fornece o combustível necessário para a digestão e outros processos do organismo.
  • Tem problemas digestivos: Sem hidratação adequada, a quantidade e a força do muco no estômago diminuem, permitindo que o ácido gástrico provoque danos nas paredes do órgão. Isto leva ao que nos referimos comumente como azia e indigestão, podendo transformar-se em uma gastrite ou, pior, em uma úlcera.
  • Tem constipação: Como dissemos, ficar hidratado ajuda a lubrificar o sistema digestivo. Durante o processo de desidratação, o cólon usa a água que seria utilizada pelos intestinos na sequência do processo digestivo. Sem entrar em muitos detalhes, os resultados disso podem não cheirar muito bem, literalmente.
  • Urina menos vezes: Quando precisa fazer o “nº1”, ele deve ter uma cor amarela ou mais clara, na luz. Se for um amarelo mais escuro, o corpo está lhe dizendo que está faltando hidratação adequada. Em casos extremos, a desidratação pode levar a infecções do trato urinário, caso em que deve consultar um médico imediatamente.
  • Percebe um envelhecimento precoce: A quantidade de água que nosso corpo retém, naturalmente diminui à medida que envelhecemos. Obviamente, isto significa que devemos aumentar nossa ingestão de água conforme completamos primaveras. Enquanto o envelhecimento prematuro é mais evidente na fisionomia, o dano que ele faz no interior do corpo será sentida ao longo do tempo. Para diminuir esse risco, é importante continuar a beber água em toda a sua vida.
Partilhar no Facebook
402 402 Partilhas

Fonte: Muitofixe.pt · Crédito foto: cidadeverde.com

Goste/partilhe