Notícias : ​Os pais ignoram os avisos do médico. 30 anos depois, o mundo fica chocado ao ver as fotos do filho.​

​Os pais ignoram os avisos do médico. 30 anos depois, o mundo fica chocado ao ver as fotos do filho.​

30 anos depois, o mundo fica chocado ao ver estas imagens ...

Partilhar no Facebook
2,288 2.3k Partilhas

Os pais ignoram os avisos do médico. 30 anos depois, o mundo fica chocado ao ver as fotos do filho.

Torstein Lerhol é um Norueguês fora do comum. Professor, político, ativista social, ele viajou por todo o mundo e é uma inspiração. Aos 30 anos de idade, as pessoas são muitas vezes surpreendidas pela sua aparência. 

Torstein sofre de atrofia muscular espinal e está confinado a uma cadeira de rodas. Mas isso não impediu que os pais, agricultores, o "empurrassem" para alcançar os seus sonhos e criá-lo como uma criança normal. Portanto, ele não é tratado de forma diferente dos irmãos e das irmãs por causa da sua aparência. 

 

Ele então fez estudos e projetos para o futuro, além de viajar pelo mundo. Desde a infância, ele sabe o que quer ensinar. Adulto, tornou-se interessado na política e tornou-se um político inspirador, mesmo que seja tão leve quanto 17 quilos.

A sua coragem e otimismo inspiram todo o país. Um dia, o fotógrafo Henrik Fjørtoft ofereceu-lhe uma ideia particular, desejando retratar Torstein nu numa série de fotos. Inseguro no começo, ele concorda em participar no projeto e todo o mundo é afetado por essas imagens ousadas. 

"Durante muito tempo perguntei-se se deveria publicar estas fotos online. Quero mostrar que nem o meu corpo nem a minha aparência, tiveram uma influência no meu coração e na minha percepção de mim mesmo. Eles nunca me impediram de definir as metas elevadas que eu alcancei. Eu desejo que as minhas palavras alcancem aqueles que estão excessivamente preocupados com a sua aparência, para entenderem melhor que os nossos valores são o que nos define, não os nossos corpos. " 

O fotógrafo quis mostrar que a beleza é muito mais do que aparência e deve-se olhar para além das limitações físicas. 

"Claro, eu não sou Brad Pitt. O meus ossos estão enfraquecidos, como os meus músculos, a minha espinha está torta e eu sou muito parecido com o Corcunda de Notre Dame. Isso não me impede de perseguir os meus sonhos. Eu conheço o meu talento e as minhas habilidades. Educação e política deram-me confiança de que posso conseguir o que eu quiser, apesar da minha aparência. As pessoas sempre me tratam com respeito. Na escola, eu sou um Professor para os meus alunos. " 

"A mossa aparência não deve determinar a forma como nos vemos a nós mesmos, ou da maneira que vivemos as nossas vidas." 

"As pessoas têm tantas qualidades que são muito mais importante do que a aparência e isso é o que deve contar. A nossa sociedade tem de aprender a se concentrar nas habilidades, talentos e atitudes. " 

Partilhar no Facebook
2,288 2.3k Partilhas

Fonte: Ayoye · Crédito foto: Ayoye

Goste/partilhe