Notícias : ​Este menino estava a brincar alegremente na praia quando, de repente, sentiu o braço de uma menina debaixo da areia.

​Este menino estava a brincar alegremente na praia quando, de repente, sentiu o braço de uma menina debaixo da areia.

Fiquei a tremer só de pensar!

Partilhar no Facebook
649 649 Partilhas

Este menino estava a brincar alegremente na praia quando, de repente, sentiu o braço de uma menina debaixo da areia.

Era uma tarde normal na praia Marina Dues na Califórnia (EUA). Conner Fitz-Gerald, de 11 anos, estava a brincar com os amigos nas dunas.

A uma certa altura, Conner fez o que a maioria das crianças faz quando está na praia: ele começou a cavar um buraco com as mãos num local onde viu que a areia estava muito solta. Mas ele ficou assustado quando entrou em contato com algo que parecia um corpo humano! O coração de Conner começou a bater rapidamente e ele começou a cavar mais fundo desesperadamente. Foi quando encontrou uma menina enterrada viva! A boca dela estava cheia de areia e ela não estava a respirar. Sem nenhum adulto por perto para ajudá-lo, Conner tomou uma rápida e importante decisão.

Ele tinha visto respiração boca a boca ser feita na televisão e não estava treinado para isso, mas ele não perdeu nem um segundo. Após retirar a menina da areia, Conner começou a ressuscitá-la usando técnicas de primeiros socorros que tinha visto na tv.

A menina finalmente começou a respirar. Conner gritou por ajuda e rapidamente uma ambulância chegou ao local para levar a menina para o hospital. O nome dela era Alyssa Bostic e tinha apenas 5 anos. Durante quanto tempo tinha ficado enterrada viva? Poderia realmente sobreviver a isto?

No hospital Alyssa recuperou-se completamente. Mas os médicos sabem que uma coisa é certa: se Conner não tivesse reagido como reagiu, a pequena Alyssa não estaria viva hoje. Agora as coisas se acalmarem, ela lembrou-se exatamente como o incidente ocorreu.

Ela estava a brincar nas dunas e fez uma caverna. Mas quando entrou no buraco, a areia pesada cedeu em cima dela e ela ficou presa. O pai de Conner está especialmente orgulhoso do filho e da sua reação rápida que salvou a vida da menina. Quem sabe o que teria acontecido se Conner não tivesse estado lá naquele dia.

Pode assistir toda a história do resgate de Alyssa neste vídeo (em inglês):

Esta história mostra o quanto é importante que as crianças aprendam noções básicas de primeiros socorros e respiração boca a boca. Pois como Conner provou, com um pouco de conhecimento e um bom instinto, as crianças podem salvar vidas assim como os adultos!

Partilhar no Facebook
649 649 Partilhas

Fonte: http://www.naoacredito.com.br/conner-fitz/?ref=fb · Crédito foto: http://www.naoacredito.com.br/conner-fitz/?ref=fb

Goste/partilhe