Notícias : ​Entalado numa garrafa há quatro dias, os médicos são obrigados a cortar-lhe o pénis.​

​Entalado numa garrafa há quatro dias, os médicos são obrigados a cortar-lhe o pénis.​

O pobre homem não poderá voltar a ter relações sexuais.

Publicado por Vamos lá Portugal em Notícias
Partilhar no Facebook
45 45 Partilhas

Entalado numa garrafa há quatro dias, os médicos são obrigados a cortar-lhe o pénis.

Nas Honduras, um homem de 50 anos de idade teve o pénis amputado depois de usar uma garrafa como brinquedo sexual e ficar com ele entalado durante quatro dias.

Ele sofria de necrose e o pênis estava a ficar escuro por causa do início da decomposição.

O homem não poderá voltar a ter relações sexuais.

Dr. Dennis Chirinos é o médico que realizou a operação delicada.

Ele reposicionou a uretra do paciente de modo que ele possa urinar.

"Este é um caso muito estranho. É um homem de 50 anos que não tinha namorada , acreditamos que ele queria aliviar a frustração sexual. Mas infelizmente teve que amputar o pénis, porque o órgão estava morto. Bloquear o fluxo de sangue durante um longo período pode revelar-se muito perigoso." Disse o Dr. Chirinos.

[EMBED]

Partilhar no Facebook
45 45 Partilhas

Fonte: http://www.ayoye.com/videos/coince-dans-une-bouteille-depuis-4-jours-les-docteurs-sont-oblige-de-lui-couper-le-penis · Crédito foto: http://www.ayoye.com/videos/coince-dans-une-bouteille-depuis-4-jours-les-docteurs-sont-oblige-de-lui-couper-le-penis

Goste/partilhe