Notícias : ​Em 1991, ele chama o 112 para dizer que matou a mulher. 15 anos depois, ele chama o 112 e é ainda pior!​

​Em 1991, ele chama o 112 para dizer que matou a mulher. 15 anos depois, ele chama o 112 e é ainda pior!​

15 anos depois, ele faz algo ainda pior ...

Partilhar no Facebook
626 626 Partilhas

Em 1991, ele chama o 112 para dizer que matou a mulher. 15 anos depois, ele chama o 112 e é ainda pior!

Depois de ter esfaqueado a sua esposa grávida, matando-a, Gregory Green ligou para o 911 em 1991 para confessar o crime. Ele declarou-se culpado de assassinato no seu julgamento e foi preso durante 16 anos.

Ao longo da sua prisão, ele tentou quatro vezes acessar à liberdade condicional, foi-lhe sempre negado.  "A liberdade condicional foi negada quatro vezes por várias razões, principalmente porque ele não sente remorsos sobre os seus crimes e não tem empatia. Depois de inúmeros testes cognitivos, ele foi liberado após o seu quinto pedido ", explicou um porta-voz do Departamento carcerário.

Ele foi libertado em 2008, dois anos mais tarde ele casou-se novamente com Faith, que tinha dois filhos de um relacionamento anterior, e eles tiveram duas filhas, Koi e Kaleigh.

Quarta-feira, há 1:15 am, Green, 49 anos, entrou em contato com o 911, como fez há 25 anos.

Kaleigh e Koi que tinham apenas 4 e 5 anos morreram de envenenamento por monóxido de carbono e foram colocadas nas suas camas, enquanto as filhas adolescentes de Faith, com idades entre 17 e 19 anos, foram encontrados na cave, atingidas com tiros de curta distância.

Quanto a Faith, ela ficou gravemente ferida, mas ainda viva. Green tinha-a amarrado e forçou-a a ver como ele matava os seus filhos. Ele também a esfaqueou com deu-lhe um tiro no pé.

Faith tinha pedido uma ordem de restrição contra Green em 2013 que tinha sido negada. No mês passado, ela entrou com um pedido de divórcio após seis anos de casamento, que era para ir a tribunal em Outubro.

"Tudo isso parece ter surgido a partir de incidentes de violência doméstica", disse o capitão da polícia Michael Petri.

Green foi preso à entrada de casa, onde ele estava à espera da polícia "sabiamente" e apareceu no tribunal sem advogado, dizendo entender do que foi acusado e negou a fiança dizendo: "Eu não preciso de uma fiança. Quer dizer, eu não acho que a mereço. "

Partilhar no Facebook
626 626 Partilhas

Fonte: http://www.ayoye.com/nouvelles/en-1991-il-appelle-le-911-pour-dire-qu-il-vient-de-tuer-sa-femme-15-ans-plus-tard-il-appelle-le-911-et-c-est-encore-pire · Crédito foto: http://www.ayoye.com/nouvelles/en-1991-il-appelle-le-911-pour-dire-qu-il-vient-de-tuer-sa-femme-15-ans-plus-tard-il-appelle-le-911-et-c-est-encore-pire

Goste/partilhe