Notícias : Ela partilha duas fotos dela completamente nua para mostrar os estragos da endometriose no corpo de uma jovem mulher​​

Ela partilha duas fotos dela completamente nua para mostrar os estragos da endometriose no corpo de uma jovem mulher​​

É importante quebrar o silêncio e os tabus que cercam a doença.

Partilhar no Facebook
420 420 Partilhas

Ela partilha duas fotos dela completamente nua para mostrar os estragos da endometriose no corpo de uma jovem mulher

Falamos cada vez mais de endometriose e isso é uma coisa boa! Thessy Kouzoukas, uma britânico de 27 anos, partilhou duas fotos dela nua para mostrar os efeitos da endometriose no seu corpo. Eis o texto que acompanha as fotos:

"Isto é chocante para os outros. Eu sou isto. Esta é a endometriose. Eu não tinha intenção de publicar estas fotografias porque estava nua, mas porra, eu não acredito na quantidade de mensagens privadas que recebo de mulheres com endometriose que também se sentem sozinhas. À esquerda, o meu estômago de 3 semanas após uma endometriose com cisto rompido (há 5 semanas). 

À direita sou eu hoje com um medicamento chamado "Synarel", que parou todas as minhas hormonas e me pôs na menopausa aos 27 anos. Estou parto para a Grécia com este medicamento na esperança de me preparar e estar nas melhores condições físicas e mentais para a minha operação no fim do mês de agosto. A endometriose não é para ser tomada de ânimo leve. Vou ser operada durante mais de 7 horas e permanecer hospitalizada durante uma semana. 

Partilhe esta mensagem sobre a endometriose. Se você conhece alguém que está a sofrer, tendo períodos muito dolorosos, informe-a e diga-lhe para ir ao médico rapidamente. Para todas as mulheres com endometriose ... vocês não estão sozinhas."  

Um em cada 10 mulheres sofrem de endometriose mas ainda sabemos muito pouco sobre esta doença "silenciosa". Os sintomas são dores menstruais severas e durante o sexo, além de sangramento fora da menstruação. A dor é insuportável e pode prejudicar a pessoa na sua vida cotidiana. Mas a pior parte é que não há nenhum tratamento para curar esta doença, só podemos tentar aliviar os sintomas.

Para a saúde das mulheres em torno de si, partilhe estas informações. É importante quebrar o silêncio e os tabus que cercam a doença.

Partilhar no Facebook
420 420 Partilhas

Fonte: Trop Cute · Crédito foto: Trop Cute

Goste/partilhe