Notícias : ​Deram a estes macacos um bebé de mentira. Quando algo horrível aconteceu, ninguém esperava esta reação

​Deram a estes macacos um bebé de mentira. Quando algo horrível aconteceu, ninguém esperava esta reação

Como se fossem humanos

Partilhar no Facebook
834 834 Partilhas

Deram a estes macacos um bebé de mentira. Quando algo horrível aconteceu, ninguém esperava esta reação

 A série da BBC "Spy in the wild" (Vigiando a Vida Selvagem) utiliza uma estratégia muito original para observar e investigar como se comportam os animais no seu habitat natural. 

Para realizar o programa, colocam robots realistas num grupo de determinados animais. Estes robots estão equipados com câmaras que gravam a conduta da espécie que imitam. O objetivo é explorar o comportamento dos animais, quando eles não percebem que estão a ser observados.  

Mas quando os pesquisadores se propuseram a estudar um grupo de macacos langures em Rajasthan, na Índia, aconteceu algo inesperado.

O robot que usaram parecia um bebé macaco langur. Os macacos verdadeiros mostravam muita curiosidade pelo novo membro do grupo e começaram a fazer contacto com ele. Começaram a tocar e a explorá-lo com a intenção de brincar.   

E depois aconteceu algo inusitado: o "bebé" macaco recebeu um golpe por acidente e caiu ao chão onde permaneceu deitado de costas, "sem vida".

Um dos macacos foi imediatamente resgatar o bebé e levou-o nos braços. Mas quando se apercebeu que o bebé não se movia, o grupo inteiro mostrou uma súbita mudança de conduta. 

Todos os macacos do grupo acreditavam que o bebé estava morto. A sua linguagem corporal era comovedora, estava muito claro que estavam angustiados e afligidos.

Reuniram-se à volta do bebé "morto" e tocaram nele suavemente, como se lhe estivessem a prestar uma última homenagem. 

Os adultos do grupo abraçaram os seus filhos e consolaram-se mutuamente. A sua conduta era tão semelhante ao luto entre humanos que até se torna doloroso presenciá-lo. 

Ao ver isto, torna-se evidente que os sentimentos de tristeza e compaixão não são exclusivos da raça humana.

Pode ver esta extraordinária prova de emoções neste vídeo (em inglês):  

Ninguém imaginou que esta experiência inofensiva terminaria revelando uma conduta tão sentimental por parte dos macacos langures. No final, a pesquisa teve resultados muito mais interessantes do que se esperava inicialmente, uma vez que nos ensinou que os animais têm emoções complexas e fortes sentimentos de união com o grupo, à semelhança dos seres humanos. Pode ser que seja difícil ver estas imagens, mas elas são bonitas, ao mesmo tempo.

 

Partilhar no Facebook
834 834 Partilhas

Fonte: No lo creo · Crédito foto: No lo creo

Goste/partilhe