Notícias : ​Caçadores furtivos mataram um elefante gigante super raro, restam agora menos de 25 no mundo.

​Caçadores furtivos mataram um elefante gigante super raro, restam agora menos de 25 no mundo.

Revoltante!

Publicado por Vamos lá Portugal em Notícias
Partilhar no Facebook
654 654 Partilhas

Caçadores furtivos mataram um elefante gigante super raro, restam agora menos de 25 no mundo.

Caçadores furtivos mataram um verdadeiro monumento no Quénia. Satao II, um elefante africano das savanas, assim apelidado depois do seu pai que fora morto em 2014, foi agora encontrado morto no parque nacional de Tsavo.

Trata-se de um dos últimos 25 no mundo com presas gigantes (apelidados de “tuskers”). Estes elefantes são conhecidos devido às suas presas impressionantes que quase tocam o chão.

O paquiderme, que era amado pelos visitantes por se aproximar bastante, foi encontrado morto pelos guardas do parque numa patrulha aérea de rotina. 

Dois caçadores furtivos foram presos depois de não terem conseguido escapar com as enormes presas do animal.

No entanto, mesmo apesar de ter morrido há uns meses, só hoje foi mundialmente noticiado.

Cada presa de Satao II pesa cerca de 50 quilos e vale 130 000$ no mercado negro. 

Anualmente, cerca de 30 000 elefantes são mortos pelo seu marfim.

Partilhar no Facebook
654 654 Partilhas

Fonte: Ayoye · Crédito foto: Ayoye

Goste/partilhe