Notícias : ​Aos 9 anos, ele recusa ser operarada, fotografias do seu corpo hoje dão arrepios!​

​Aos 9 anos, ele recusa ser operarada, fotografias do seu corpo hoje dão arrepios!​

A sua determinação é infalível!

Partilhar no Facebook
367 367 Partilhas

Aos 9 anos, ele recusa ser operarada, fotografias do seu corpo hoje dão arrepios!

Desde tenra idade, Rebecca Dann, uma britânica de 22 anos, sempre foi vítima de olhares e provocações, porque é diferente.

Ela sofre de cifoescoliose, esta doença curva anormalmente o topo da sua coluna vertebral. Com a idade de quatro anos após o seu diagnóstico, ela ignorava o impacto que a doença iria ter na sia vida: o físico aspecto, a dor, as provocações, o assédio. A menina é marginalizada por colegas na escola e apelidads de "O Corcunda de Notre Dame".

Sendo muito magra, ele não pode recorrer a meios para atenuar este defeito. Aos 9 anos, ela descobre que a curvatura lhe danifica os nervos e fá-la perder o uso das pernas.

Ainda assim, Rebecca recusa-se a deixar que a doença assuma o controle da sua vida e quer realizar o seu sonho de se tornar fotógrafa, e estudar arte. Durante os seus estudos, ela inclina-se sobre um assunto perto do seu coração, o olhar sobre as pessoas com deficiência na sociedade. Isto leva a um projeto de fotografia incrível em que ela é apresentada.

Este projecto, intitulado "Eu estou muito bem"  é uma série de auto-retratos em que ela mostra o seu corpo nu e as suas costas deformadas. "No início, eu comecei o projeto, ao estudar encontros amoros entre pessoas com deficiências, a medida que me concetrava em me aceitar como sou", diz Rebecca. "É à vez uma maneira de desafiar as percepções relativas à beleza e às deficiências dos outros e dizer ao mundo que "estou bem ". Eu não vou desistir e eu sou como qualquer outra pessoa, mesmo com a minha deficiência. " 

Ela apresentou o seu projecto num concurso de fotografia "Um mundo de injustiça", que ela ganhou facilmente. Ela até recebeu um prémio de bravura, dadopelo famoso físico Stephen Hawking. 

"Não olhe para mim para me deixar de lado depois de ver as minhas costas", disse ela, "eu gosto de si  " Este é o seu lema. Podemos admirar a sua determinação.

Partilhar no Facebook
367 367 Partilhas

Fonte: Ayoye · Crédito foto: Ayoye

Goste/partilhe