Famosos : Bárbara confessa vida íntima com Carrilho: “frio, sem carinhos ou preliminares”

Bárbara confessa vida íntima com Carrilho: “frio, sem carinhos ou preliminares”

As revelações não ficam por aqui...

Publicado por Vamos lá Portugal em Famosos
Partilhar no Facebook
185 185 Partilhas

Foi em Março de 2015 que a apresentadora da SIC, foi examinada pela psicóloga Olindina Graça do Instituto de Medicina Legal de Lisboa (IML).

A apresentadora Bárbara Guimarães fez revelações chocantes, surpreendentes e detalhadas sobre a sua vida íntima e sexual com o ex-marido e ex-ministro.

A estrela da SIC revelou como era, aos seus olhos, o desempenho sexual do pai dos dois filhos. "Era normal (…) era muito frio (…) desde o início que era frio, mais direto ao assunto, não havia aquela parte mais romântica, mais preliminar (…) se existiu foi no início e muito pouco", desvendou, respondendo à psicóloga forense, sem tabus, sobre o que se passava quando pedia mais carinho e preliminares ao ex-marido: "quando tentava falar com ele dizia que era a minha mente que era pecaminosa".

Foi muito difícil (…) ele começou a tratar-me muito mal depois do nascimento da Carlota (…) humilhava, ofendia, agredia muito (…) teve a ver com ele próprio (…) ele já era uma pessoa muito chata, complicada, isolada (…) teve sempre essa tendência, também teve uma vida complicada com a derrota da Câmara (…) essas coisas fazem mossa a uma pessoa".

 "Foi depois de a Carlota nascer, quando ele regressa, é quando começa numa perseguição absoluta: dizia que ‘eu isto' e 'aquilo' 'com este' e 'com aquele’, já não podia sair com as minhas amigas, a minha família não prestava". 

A apresentadora ainda falou sobre Kiki, o seu namorado na altura que foi um bálsamo:


"O Kiki é um namorado, supostamente ninguém devia saber, a pessoa também direito à privacidade. É queridíssimo, foi um bálsamo. Foi a pessoa que mais gostei que entrasse na minha vida (…) é uma pessoa tão boa, tão querida, meiga e que sofre imenso com estas coisas. Se alguma coisa acontecer e nos tivermos de separar por causa das crianças, vamos ficar amigos para o resto da vida (…) é complicado quando há filhos. Não fazemos tenções de viver juntos.

"O Dinis sempre tratou o Kiki lindamente, mas aproveitava a presença dele para me ofender. O Kiki ficava com taquicardias. O coração dele bate horrores quando o Dinis começa a falar do meu ex-marido", revelou, adiantando como esses episódios já tinham, à data da perícia, contribuído para o afastamento do namorado: "Não tem ido lá a casa (…) está muito complicado (…) ficou muito triste com isto do Dinis", lamentou.

Partilhar no Facebook
185 185 Partilhas

Fonte: www.flash.pt · Crédito foto: www.flash.pt

Goste/partilhe