Famosos : 11 anos da morte de “Dino”: leia o relato do único sobrevivente

11 anos da morte de “Dino”: leia o relato do único sobrevivente

“Pedi-lhe para ele não morrer, mas ele morreu à minha frente”

Partilhar no Facebook
2,599 2.6k Partilhas

Foi na manhã do domingo de Páscoa que um dos jovens atores mais querido do publico Português perdeu a vida num acidente de viação.

Esta tragedia deixou duas vitimas mortais, e um único sobrevivente que na altura fez um relato emociante sobre esta tragédia.

11 anos depois da morte trágica de Francisco, relembramos o relato comovente de Filipe, que emocionou o país ao falar dos momentos de terror e desespero que viveu ao lado dos dois jovens que perderam as vidas no acidente.

“Apareci do lado oposto, com as pernas entaladas entre o banco de trás e o da frente e a cabeça a bater no tejadilho. Parti o vidro do meu lado, meti as mãos fora do carro e abri a porta. Consegui soltar as pernas e, quando finalmente saí do carro, procurei o telemóvel para chamar o INEM, mas não o encontrei. Dirigi-me para a porta do pendura e consegui abri-la. O Sr. Osvaldo estava com o cinto e tinha a parte da cabeça e dos membros superiores deslocados para a zona central do carro. Tirei-lhe a pulsação e vi que ainda respirava. Depois fui para o lado do Chico e parti o vidro. Ele tinha a cara no airbag, que rebentou. Tentei ver se reagia ao medir a sua pulsação, mas no meio do pânico não quis perceber a verdade. Depois fui para o meio da estrada pedir ajuda. Quando parou um carro com um senhor que chamou a ambulância, fui novamente para junto do Chico e voltei a tirar-lhe o pulso. Foi nessa altura que percebi que o coração não batia. Fiz tudo para o salvar e não consegui. Pedi-lhe para ele não morrer, mas ele morreu à minha frente. Senti-me tão impotente.

Partilhar no Facebook
2,599 2.6k Partilhas

Fonte: www.buzztimes.pt · Crédito foto: www.buzztimes.pt

Goste/partilhe